sábado, 18 de junho de 2011

[UMA DUAS, de Eliane Brum]





Conhecida no jornalismo  por sua sensibiliade Eliane Brum se permite um nove e não diferente desfio: Transformar em palavras a difícil relação entre mãe e filha. Como se formam e se matém o laço que as une? Como é feito o trama de ódio e afeto entre duas mulheres, sangue do mesmo sangue, mas (des)unidas pela carne?
 
"Uma duas" foge de clichês e eufemismos que normalmente cercam o tema. É um retrato expressionista e dramático. Desde que seu pai deixou a família, diante de circunstâncias surpreendentes, a jornalista Laura e sua mãe, Maria Lúcia, mantêm uma relação distante, quase inexistente. Porém, um sério problema de saúde de Maria Lúcia acaba forçando a convivência das duas novamente. 


Sobre a autora



 Eliane Brum é jornalista e documentarista. Trabalhou 11 anos no jornal Zero Hora, de Porto Alegre, e está desde 2000 na Revista Época, em São Paulo, primeiro como repórter especial e atualmente com o Blog Nossa Sociedade. Publicou três livros-reportagem. Pelo primeiro, Coluna Prestes – O Avesso da Lenda (Artes e Ofícios, 1994), recebeu o Prêmio Açorianos de Literatura como autora-revelação. O segundo, A Vida Que Ninguém Vê (Arquipélago Editorial, 2006) venceu a 49ª edição do Prêmio Jabuti, na categoria livro de reportagem. Em 2008, lançou O Olho da Rua – uma repórter em busca da literatura da vida real (Editora Globo). Como repórter, Eliane ganhou mais de 40 prêmios de jornalismo, nacionais e internacionais. Entre eles: Esso, Vladimir Herzog, Ayrton Senna, Líbero Badaró, Sociedade Interamericana de Imprensa. Seu documentário de estréia, Uma História Severina (2005), no qual é co-diretora e roteirista, ganhou mais de 20 prêmios nacionais e internacionais..



Uma Duas 
Editora Leya
Eliane Brum 
Quanto vale saber do relacionamento maternal_176 páginas
Custo_34,90 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente