quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

[MORTE DO AUTOR DE O APANHADOR NO CAMPO DE CENTEIO]



J.D.Salinger ficou famoso com o clássico "O apanhador no Campo de Centeio", por um episódio inusitado: O assassino de John Lennon estava de posse de um exemplar do livro, quando matou o Beatle. Foi o suficiente para as vendas do livro disparar. Eu mesma fui atrás do meu exemplar pois queria entender se o livro influenciara de alguma forma o ato. Era o ano de 1980 e eu estava em sala de aula na faculdade quando soube da notícia.


O romance "O apanhador no campo de centeio", com seu imortal protagonista - o rebelde Holden Caulfield -, foi lançado em 1951 durante o período da Guerra Fria. A história de alienação juvenil e perda da inocência foi adotada por adolescentes em todo o mundo e ainda hoje vende cerca de 250 mil cópias por ano. No total, já são mais de 60 milhões de exemplares em diversas línguas.

No Brasil, "O apanhador no campo de centeio", a coleção de contos "Nove histórias" (53) e o romance "Franny & Zooey" (61) são publicados pela Editora do Autor. Já "Carpinteiros, levantem bem alto a cumeeira & Seymour, uma apresentaçao", que reúne duas histórias do autor de 63, foi editada por aqui pela L&PM, Brasiliense e Companhia das Letras.


O famoso escritor morreu de causas naturais aos 91 anos de idade.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

[DRUMOND DE BOLSO]


  
Sou fã de Drumond, e para quem como eu gosta da sua poesia dele, uma boa notícia. A seleção de poemas publicados pela José Olympio em 1969, e que depois foi ampliada pelo autor e reeditada, pode ser saboreada agora em apenas três volumes de bolso. 


No primeiro, Oito livros de poesia, o leitor encontrará clássicos comoAlguma poesia, Brejo das almas, Sentimento do mundo, - meu preferido, José, A rosa do povo, Novos poemas, Claro enigma e Fazendeiro do ar. 

No volume dois, Seis livros de poesia,A vida passada a limpo, Lição de coisas, A falta que ama, As impurezas do branco, A paixão medida e Boitempo I. 

Já no volume que fecha a Nova reunião, Nove livros de poesia,trazBoitempo II, Boitempo III e Seleção dos Livros, Viola de bolso, Versiprosa, Discurso de primavera e algumas sombras, Corpo, Amar se aprende amando, O amor natural e Farewell. 

Os 23 livros do poeta estão compilados na Nova reunião: 23 Livros de Poesia (BestBolso, Vol. 1 - 420 pp., Vol. 2 - 392 pp., Vol. 3 - 574 pp., R$ 14,90 – cada volume). 


A vida e a obra do poeta ainda podem ser pesquisadas através do novo site www.carlosdrummonddeandrade.com.br


segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

[PRECIOSA, de Sapphire]




O livro de Shappire é uma história real. As histórias reais são mais confiáveis e acabam sempre virando um livro, que vira um filme e que se concorrem ao Oscar, passam a ser conhecidas e identificadas como reais.

Foi assim que a escritora fã de Alice Walker e Toni Morrison, autoras de "A Cor Púrpura" e "O Olho Mais Azul" respectivamente, ajudou na criação do romance, que eu chamaria de" drama real", relata neste livro. Shappire conviveu no suburbio do Harlen nova-iorquino onde conheceu Claireece Precious Jones, a Preciosa, que além de negra, enorme de gorda e analfabeta, convivia com uma mãe, que a espancava e abusava sexualmente dela, (isso mesmo, você leu certo) e o pai, que a estuprava e de quem teve o primeiro filho aos 12 anos. Uma menina que nasceu com a Sindrome de Dawn. Aprender a escrever, ajudou Preciosa a transformar sua realidade.
O texto deste livro reproduz sua fala, que é repleta de erros, mas com um estilo que se adequa ao peso da história. A trama toda é tão absurda que parece uma ficção.

A autora, que foi professora no Bronx, lia as historias de espancamento, estupros e incesto, em relatos que as alunas escreviam em seus diários escolares. Preciosa e as colegas são alfabetizadas com a ajuda de um método, onde compartilham suas vidas através de cartas com a professora. Foi o que inspirou a autora para escrever a história que deu origem ao filme 'Preciosa', que chega dia 12 de fevereiro às telas brasileiras. O livro, já está nas livrarias, a partir desta semana. Tentei providenciar o meu exemplar, mas parece que ainda não está nas grande livrarias!

Se eu contar tudo, perde a graça! Se é que graça existe.

Editora Record
Autora_Sapphire
Folheando_192 págs.
Quanto_R$29,90
Gênero_Literatura estrangeira

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

[LOCAÇÃO DE LIVROS! ]








Há alguns anos descobri uma locadora virtual de livros, a Livro Magia. Parecia perfeita, para alguém que como eu não lê, mas DEVORA livros! A entrega feita na porta de casas após escolher os livros de um acervo muito bacana, caiu como uma luva! Por motivos diversos, acabei perdendo o contato, e achei que nem existia mais.

Eis que estes dias lembro que preciso ler não um, mas vários livros que ficaram para trás, ou porque me mudei, ou porque fui repassando. Enfim, de novo me deparo com a LIVRO MAGIA, e claro, um acervo mais rico ainda, focado principalmente no público feminino. Era tudo o que eu queria... e quero! Na primeira leva já 'reservei' cinco exemplares, e recebi na porta de casa, com horário marcado! Tudo muito bem organizado e eficiente. A devolução, também é realizada 'via motoboy'.


Evidente que não vou deixar de fuçar as livrarias, xeretar pelas megaestores literárias, mas a diferença é que posso checar se a locadora já possue o exemplar que procuro, ou aquele que está em falta, porque a edição se esgotou. ALém de claro, sugerir ao acervo.



Para quem está em São Paulo, os bairros mais proximos à Zona Sul * não pagam o frete de entrega.
Os preços da locação, são super convidativos e existe a opção de adquirir alguns títulos também. Você recebe a lista do acervo atualizada mensalmente e escolhe o título.



A Vera, simpatissíssima proprietária e, apaixonada por livros, também faz ótimas recomendações de leitura em todas as áreas.Mande um emai para LIVRO MAGIA e visite o site

 
Escolha um dos 3 tipos de locação que melhor se adapta a você



1) 1 livro mês: R$25,00
2)2 livros mês: R$50,00
3) Locação livre: R$65,00



domingo, 17 de janeiro de 2010

[SEMANA DA MODA]

A SPFW, São Paulo Fashion Week começou hoje, na cidade. Os desfiles que não são abertos ao público provocam frisson e curiosidade em quem gosta de moda.
Enquanto esperamos o resultado das novas, e confusas tendências, escolhidas por renomados estilistas, nada malhor do que ‘se jogar’ nas indicações de leitura desta semana, onde você terá a DEVORADORADELIVROS indicando as boas sugestões na área de moda.
CHANEL: SEU ESTILO,SUA VIDA, de JANET WALLACH
imagem.dll
Escrito por Janet  Wallach, este delicioso exemplar é a biografia da estilista Coco Chanel, uma das personalidades mais influentes do século 20, por revolucionar a moda feminina ao criar um novo estilo de vestir para as mulheres. Uma de suas maiores inovações foi adaptar roupas originalmente masculinas para o guarda-roupa feminino.
Este livro em particular, atesta a individualidade de Coco que nasceu Gabrielle, com muito talento e oportunidade inventou o chic do mundo da moda. Ela, que nasceu pobre e ficou órfã aos 11 anos – a mãe morreu, o pai sumiu, acabou sendo criada em um orfanato. Trabalhou como balconista e, com o objetivo de subir na vida, se colocou à caça de amantes, mas só serviam os ricos.

Vendo, ninguém diria: Coco Chanel era franzina, quadris estreitos, seios pequenos, compensava com o raciocínio rápido, o olhar ardente, a voz rouca (por causa do cigarro) e possivelmente outros atributos, menos publicáveis, que lhe garantiram uma rica lista de conquistas pela vida inteira. Seu primeiro amante rico, o francês Étienne Balsan, apresentou-a a artistas e cortesãs que se tornariam as primeiras divulgadoras do seu estilo. O segundo, e cobiçado playboy inglês Arthur Capel, levou-a para Paris onde financiou sua primeira loja. Mais adiante, o riquíssimo duque de Westminster a cobriu de jóias e pôs à sua disposição tecelões de primeira. Daí para a frente,foi só Chanel
.
EDITORA_ARX
FOLHEANDO_ 200
GÊNERO_Biografias Estrangeiras
QUANTO VALE_R$ 49,90 (Mas na Livraria da Folha, você encontra por R$ 39,90)

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

[ A SENHORA DO JOGO, de Sidney Sheldon]

SIDNEY SHELDON

Sidney Sheldon foi por mais de 60 anos, parte da história do cinema e da televisão criando personagens  - que ainda hoje desfilam na tv a cabo – como Jeanne é um Gênio, Casal 20, entre outros,  virando sinônimo de show biz. Na literatura, ficou conhecido como o Sr. Best Seller vendendo milhões de exemplares, de suas obras de suspense, em centenas de países. Suas tramas, repletas de intriga, romance e ação, conquistaram milhares de fãs, que compraram cerca de 300 milhões de exemplares, levando o autor a0 Livro Gunness, como o “mais traduzido do mundo'”. com  25 títulos, que chegaram ao topo das Listas de Mais Vendidos.

Sheldon morreu em 2007, mas em A senhora do jogo – O reverso da medalha, continuação de O reverso da medalha, os fãs vão poder matar as saudades.

Na trama, Lexi está ansiosa para seguir os passos da bisavó e se tornar A senhora do jogo. No entanto, ela não é a única com essas ambições. Estou na página 80 e estou adorando relembrar um dos autores de minha juventude, que me fez gostar de boas histórias de ficção.

Editora_RECORD

Folheando_464 pp.,

Quanto_39,90 

[PAULO COELHO NO KINDLE]

 
gal_2007
foto:Divulgação

A Amazon anunciou que desde sexta-feira, dia 8, que 17 livros do escritor Paulo Coelho estão disponíveis em língua portuguesa para a compra na loja virtual de livros da empresa. As obras são as primeiras em português que podem ser compradas para o Kindle no Brasil.

Entre os títulos estão O alquimista, Brida e O zahir. Em média, eles custam cerca de US$ 8 e são baixados diretamente no Kindle, por meio da rede 3G. “O Kindle oferece uma grande oportunidade para os escritores ao permitir que seus leitores acessem conteúdos que não estão presentes nas livrarias de seus respectivos países”, disse Paulo Coelho.

Contra muitos críticos, eu gosto sim, do que Paulo Coelho escreve, e Brida foi o livro que mais gostei.

Também já fiz uma entrevista com o próprio, por ocasião do lançamento do seu último livro.

O autor em seu site, disponibiliza algumas de suas obras literárias para dowload e leitura ‘GRÁTIS’. Ahhhh!!! e ele está na Academia Brasileira de Letras!!!

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

[Congresso Ibero-Americano de Língua e Literatura Infantil e Juvenil]




A Fundação SM e a Direção de Bibliotecas, Arquivos e Museus do governo chileno promovem, no período de 24 a 28 de fevereiro, o Congresso Ibero-Americano de Língua e Literatura Infantil e Juvenil, em Santiago (Chile). O evento pretende contribuir para a construção de uma visão global da literatura infantil e juvenil ibero-americana, tanto do ponto de vista geográfico (todos os países de língua espanhola e o Brasil) como histórico, discutindo passado, presente e perspectivas de futuro da literatura infantil e juvenil.
O programa acadêmico começa com uma conferência dos escritores Antonio Skármeta (Chile) e Juan Villoro (México), que discutirão a importância das primeiras leituras na vida dos indivíduos e dos povos. Em seguida, serão homenageadas várias personalidades de destaque na literatura infantil e juvenil ibero-americana, como a brasileira Lygia Bojunga.
 Outros brasileiros estarão presentes no evento, como Marisa Lajolo, que discorrerá sobre Monteiro Lobato; Ana Maria Machado, com a conferência Independência, cidadania e literatura infantil; Bartolomeu Campos de Queirós, que participará de uma mesa-redonda sobre as tendências da literatura infantil e juvenil ibero-americana; a ilustradora Ângela Lago, que discutirá sobre ilustração; José Castilho Marques Neto, que apresentará as políticas governamentais de promoção do livro e da leitura; Tânia Rösing, sobre a experiência de Passo Fundo (RS); Peter O’Sagae, do site Dobras da Leitura, sobre a literatura na web e outras inovações tecnológicas; e Elizabeth Serra, que participará da apresentação do Manifesto para a literatura infantil e juvenil.

Mais informações sobre a programação completa e o processo de inscrição estão acessíveis no site www.cilelij.com. As vagas são limitadas e as inscrições aceitas por ordem de recebimento (US$ 400 dólares). Para mais informações, enviar e-mail para: fsm@fundacion-sm.com.

[HISTÓRIAS DOS LIVROS QUE VÃO PARA AS TELONAS]

 

Chegam às livrarias, em janeiro e fevereiro, quatro livros, todos da editora RECORD que deram origem a concorrentes ao Oscar e Globo de Ouro.

 

clip_image002

O livro Amor sem Escalas, de Walter Kirn, que nas telonas será estrelado por George Clooney e com a direção de Jason Reitman — o mesmo de Juno —, tem o maior número de indicações ao Globo de Ouro.

A história de Ryan que ganha a vida ajudando empresas a cortar gastos e, para isso, passa boa parte de seu tempo dentro de aviões, no que chama de "o mundo aéreo", é a hist´ria que dá nome ao filme. Com o objetivo é alcançar um ‘milhão de milhas’ como viajante. Seus planos caem literalmente por terra, com a contratação de uma jovem arrogante de nome  Natalie, que tem a ‘brilhante’ ideia de instalar nada mais do que um sistema de vídeo conferência na empresa, evitando as viagens e enfraquecendo o objetivo  de Ryan que precisa rever os seus conceitos. O filme, foi indicado em oito categorias para a 15ª edição do Critics' Choice Movie Awards, premiação anual considerada importante termômetro para o Oscar e  chega aos cinemas brasileiros no dia 22 de janeiro, junto com... Chéri.

 

 

clip_image002[4]

Chéri, é um clássico do romance escrito por Colette, (1873-1954), considerada uma uma das mais notáveis escritoras e mulheres da primeira metade do século XX. Publicado em 1920, aborda o delicado tema da sedução amorosa entre uma bela cortesã a caminho da meia-idade e um adolescente mimado. Chéri, de uma cálida voluptuosidade, rompe com os padrões da época , se deixando conquistar. Ela, uma mulher experiente, aceita com serenidade o prazer que o jovem adolescente lhe proporciona e não esquece nenhum pormenor da sua educação amorosa.

A capa do livro, com a atriz Michelle Pfeiffer foi considerada ‘apelativa e oportunista’' por alguns críticos literários, que não se contentam em falar apenas de conteúdo, mas sim julgar o ‘marketing literário’. Eu particularmente gostaria muito de ver a própria Colette na capa, apenas com uma chamada em referência ao livro.

Se funcionou ou não, vale a pena ler e comparar posteriormente o filme, ao livro. Nenhum livro que eu conheço é fielmente retratado nas telonas. O que se vê em adaptações é o olhar de um roteirista, um produtor, e a interpretação de seus escolhidos para personagens, nada é feito para satisfazer aos críticos.

Eu espero ter tempo para ler o livro enquanto aguardo o lançamento do filme, no dia 22 de Janeiro, que será protagonizado por Michelle Pfeiffer e Kathy Bates com direção de Stephen Frears.

 

 

clip_image002[6]

Preciosa,  favorito ao Oscar, conta a história de uma adolescente obesa, analfabeta e grávida do próprio pai, e seu encontro com uma professora. Não é propriamente o tipo de leitura que eu ‘mais’ gosto. Mas, rende assunto. O romance adaptado para filme conta com a atriz estreante Gabourey Sedibe.

domingo, 3 de janeiro de 2010

[JULIE E JULIA, de Julie Powell]



Não achei que fosse aguentar as 70 páginas de choramingação até o livro realmente começar.
O romance, que chegou às telas com Meryl Streep, é infinitamente mais dinâmico que o livro.
Julie e Julia parece um livro de receitas, mas mesmo não sendo, dá ótimos toques de culinária. A busca por ingredientes pouco 'possíveis' de serem encontrados na cidade de Nova York já compansa a leitura.
 Tudo começou com um blog que a frustrada secretária começou a escrever em 2002.Ela se propõe a fazer 524 receitas durante um ano, usando o livro 'bibçia' das donas de casa perfeitas americanas, o Mastering the arts of french cooking. Uma espécie de livro da Dona Benta.

Impressões_Como era de se esperar de tudo o que vira sucesso na internet, o blog acabou virando um livro, que vireou filme, esteve semanas seguidas nas listas e arasou quarteirão na estreia do filme. Vale a pena ler, ainda mais se você gosta de culinária. Os toques são bem legais. 

JULIE & JULIA foi adaptado para as telonas com Meryl Streep e Amy Adams no elenco e direção de Nora Ephron, roteirista de Harry e Sally e diretora de Mensagem para você.


Gênero_Literatura estrangeira
Quanto vale_R$ 39,90
Folheando_352 páginas